R$38,00

8x de R$5,39 5% de desconto pagando com Deposito Itaú Ver mais detalhes
Escrito entre 1993 e 2005, o primeiro livro de Rafael Correa, presidente do Equador, traz uma coletânea de artigos acadêmicos sobre os paradigmas de desenvolvimento e a política econômica que seu país vem empreendendo nas últimas décadas. Dividido em quatro partes - 'Modernidade sem desenvolvimento', 'A entrega total do país', 'Reparando injúrias' e 'Rumo a uma nova política econômica' -, Equador: da noite neoliberal à Revolução Cidadã mostra, com linguagem clara e exemplos ilustrativos, o impacto do neoliberalismo sobre a América Latina, 'sistema aplicado com as inconsistências próprias da corrupção, da necessidade de manter a subordinação econômica e da exigência de servir à divida externa', como define o autor. Para explicar as bases da economia equatoriana, Rafael faz uma retrospectiva que vai do século XIX até a atualidade, discutindo a importância da banana e do petróleo na exportação, o desenvolvimentismo e a aplicação da estratégia conhecida como industrialização substitutiva de importações (modelo ISI), as consequências da crise financeira de 1999 e as dificuldades para implementar uma política soberana pautada na preservação do capital social. 'Anseio que este livro ajude a verdadeira libertação de nossos povos, por meio do conhecimento e da compreensão das barbaridades que fizeram com nossos países, e que seja mais uma colaboração para nunca mais se repetirem erros passados', afirma Correa.